Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘deputados federais’

Atualizado dia 21-dez, às 13h15 – Ao engrossar a fila dos apoiadores de Marina da Silva, membro da Assembleia de Deus no Plano Piloto em Brasília, os cristãos assumiram posição nesta eleição. Sem espaço na mídia tradicional buscaram recursos na web e descarregaram mensagens com troca de informação e apelos, que culminaram com o aumento surpreendente do percentual de Marina.

A mesma reação não se viu entre candidatos à Câmara Federal. No caso das ADs foram eleitos 20 federais e a bancada evangélica cresceu para, ao menos, 69 deputados (Veja lista na matéria acima). Já os estaduais somaram mais de 50 (abaixo)

Nomes que confundem

Excluímos da lista dos assembleianos Zé Vieira, que não pertence à AD, mas sua mulher. Retiramos ainda da lista de evangélicos Cleber Verde, que segundo a AD no Maranhão, não é crente. Outro nome que está confundindo muita gente é o homônimo de Neuton de Lima, filho do pastor Raimundo, da AD em Indaiatuba (SP). Neuton concorreu a uma vaga, mas não conseguiu se eleger. O seu homônimo é Newton Lima, do PT, e que nada tem que ver com cristãos (evangélicos).

No Rio, o ex-governador Garotinho puxou a fila como o mais votado, pelo PR, com mais de 600 mil votos e ainda elegeu sua filha Clarissa Garotinho a uma vaga na Assembleia Legislativa.

Vitor Paulo foi o 4º no Rio e Washington Reis, ex-prefeito de Duque de Caxias (Baixada Fluminense) e membro da AD em Xerém ficou em 9º. O Rio elegeu ainda Felipe Pereira.

Marcelo Crivela, membro da Igreja Universal do Reino de Deus foi eleito senador, em segundo lugar; no Espírito Santo, Magno Malta, da Igreja Batista, permaneceu no Senado.

Em São Paulo foram eleitos Edinho Araujo (PMDB-100 mil votos), ex-prefeito e Vaz de Lima (PSDB-170 mil votos), membros da Igreja Presbiteriana Independente em São José do Rio Preto (SP); pastor Paulo Freire (PR), líder da AD em Campinas e filho do pastor José Wellington, presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil. Paulo Freire formou uma forte base, que o fez alcançar 161 mil votos. Pastor Roberto de Lucene, eleito por São Paulo, pertence à diretoria nacional da Igreja Pentecostal O Brasil para Cristo.

O pregador Marcos Feliciano, oriundo da AD em Orlândia, pertencente à Região Eclesiástica de Ribeirão Preto (SP), atualmente com igreja própria, recebeu 211 mil votos pelo PSC. Os outros eleitos foram missionário José Olímpio (PP-160 mil votos) e cantor Marcelo Aguiar, do PSC com 98 mil votos (todos federais).

SENADORES

Rio de Janeiro – Marcelo Crivela, da Igreja Universal do Reino de Deus.

Espírito Santo – Senador Magno Malta mantém-se.

Bahia –  Valter Pinheiro, membro da Igreja Batista em Salvador.

DEPUTADOS FEDERAIS

São Paulo – Marcos Feliciano; Roberto de Lucena; missionário José Olímpio; Marcelo Aguiar, da Igreja Renascer; Edinho Araujo e Vaz de Lima; Antônio Bulhões; Otoniel Lima; pastor Paulo Freire e Bruna Furlan (PSDB), filha do prefeito de Barueri, Grande São Paulo, Rubens Furlan. A tucana recebeu mais de 270 mil votos em São Paulo e foi a terceira candidata mais votada a deputada federal e a décima em todo o Brasil.

Rio – Garotinho, Washington Reis, Benedita Silva, Arolde de Oliveira, membro da Igreja Batista, Lilian Sá, Neilton Molin, Aureo, Andrea Zito,
Filipe Pereira.

Bahia – Erivelto Santana, filho do saudoso pastor Rodrigo Santana, reconhecido líder da AD baiana. Erivelto também é sobrinho do pastor Antônio Santana líder da Região Eclesiástica em Ribeirão Preto (SP). Os baianos elegeram também Márcio Marinho e Oziel Oliveira (PDT), da Igreja Batista em Barreiras.

Espírito Santo – Cantora Lauriete (PSC), esposa do não-reeleito Reginaldo, da AD capixaba; Suely Vidigal (PDT); Audifax (PSC) e Manato (PDT).

Pará –  Zequinha Marinho, da AD-Comieadepa;  pastor Josué Bengston, da Igreja Quadrangular.

Amazonas – Silas Câmara, membro da AD no Amazonas e irmão do pastor Samuel Câmara, líder da AD no Pará, onde começou as ADs no Brasil (reeleito).

Amapá – Fátima Pelaes, da Assembleia de Deus em Macapá.

Acre – Antônia Lúcia Câmara, cunhada do pastor Samuel Câmara e esposa do também deputado federal Silas Câmara (AM), fora eleita deputada federal.

Paraná – Pastor Hidekazu Takayama;  delegado Francisquini, da AD em Curitiba (pastor Pimentel); e  o médico André Zacharow, diretor do Hospital Evangélico de Curitiba, da Igreja Batista.

Pernambuco – Francisco Eurico, pastor na Assembleia de Deus (líder pastor Ailton Alves) e  Anderson Ferreira.

Minas Gerais – Gilmar Machado, da Igreja Batista em Uberlândia.

Alagoas – O candidato da igreja de Alagoas ao Congresso, Chamariz, ficou como suplente.
 

Sergipe – Pastor Eleno.

Goiás – João Campos.

Rondônia – Nilton Capichaba.

Distrito Federal – Ronaldo Fonseca, pastor da AD em Taguatinga Norte e membro do Conselho Político da CGADB.

Santa Catarina – Jovino Cardoso (DEM) ficou como suplente. Jovino é presbítero da Assembleia de Deus em Blumenau.

 DEPUTADOS ESTADUAIS

Amazonas – Wanderley Dallas (PMDB) e Francisco Souza (PSC), os dois da AD em Manaus.

Pará – Raimundo Santos (PR), da AD em Belém, liderada pelo pastor Samuel Câmara, Pio X (PDT), da AD (Comiadepa) e  Martinho Carmona (PMDB), da Igreja Quadrangular; pastor Divino (PRB).

Amapá – Moisés Souza (PSC), da Igreja Batista em Macapá.

Bahia – Pastor José de Arimatéia (PRB), Márcio Marinho (PRB). A AD elegeu os deputados pastor Isidoro (PSB), pastor Ubaldino e irmã Angela (PSC). A Universal elegeu os pastores Sildevam Nobrega e Marcio Marinho (PRB).

Espírito Santo – Vandinho Leite, membro da Igreja Batista e reeleito; Élcio Álvares (DEM) e Gildevan (PV).

Paraná – Mara Lima, (PSDB) cantora da AD; pastor Edson Praczyck (PRB); Gilson de Souza (PSB).

Santa Catarina – Ismael dos Santos (DEM) é membro da AD e filho do respeitado líder estadual, pastor Nirton Santos; e Kennedy Nunnes (PP), membro da Assembleia de Deus em Joinville. Kennedy é membro do conjunto Dedos de Davi.
 
Rio Grande do Norte – Pastor assembleiano Antonio Jácome (PMN) foi
reeleito em primeiro lugar, com 54.743 votos. Jácome já foi vice-governador; Gilson Moura (PV).

São Paulo – Pastor Carlos Cézar (PSC); pastor José Bittencourt (PDT); pastor Adilson Rossi (PSC), da AD-Belenzinho; pastor Dilmo dos Santos (PV), da AD-Madureira; Carlos Bezerra Jr (PSDB); André Soares, filho do pastor e líder da Igreja Internacional da Graça, R.R. Soares.

Rio – Samuel Malafaia (PR), da AD em Jacarepaguá (Grande Rio) e irmão do pastor Silas Malafaia; Clarissa Garotinho (PR), vereadora e eleita deputada; Edino Fonseca (PR) é pastor da AD-Madureira; Edson Albertassi (PMDB); e Fabio Silva (PR); Sabino (PSC); Waguinho (PRTB).

Goiás – Daniel Messac, da AD-Madureira em Vila Nova; Luiz Carlos do Carmo (PMDB), da AD em Campinas e Fábio Souza (PSDB), da Igreja Fonte da Vida.

Alagoas – Jota Cavalcante (PDT), filho do pastor José Neco Antônio dos Santos, líder da AD no Estado (reeleito).

Pernambuco – Pastor Cleiton Collins (PSC); e presbítero Adalto (PSB).

Acre – Pastor Helder da Silva Paiva (PR), da AD em Rio Branco e pastor Denilson (PSC).

Minas Gerais – João Leite (PSDB); pastor Antonio Genaro (PSC), da Igreja do Evangelho Quadrangular; Wanderley Miranda (PMDB); Antonio Carlos Arantes (PRB); e pastor Carlos Henrique (PRB), da Igreja Universal.

Paraíba – Edmilson Soares (PSB).

Rondônia – Saulo (PDT).

Roraima – Marcelo Natanael (PRB); Ângela Águida (PSC).

Sergipe – Pastor Antônio (PSC).

Tocantis – Pastor Eli Dias Borges, da AD-Madureira em Palmas (TO) foi reeleito e exercerá o seu 3º mandato. Pastor Pedro Lima, da AD (Ciadseta), não foi eleito.

Outros

Se você notar a ausência de nomes de eleitos e  quiser colaborar, para que essa publicação seja ratificada, favor enviar-me nome completo, igreja  e referências: mesquita.jornalismo@gmail.com

Agradecemos

Agradecemos pela colaboração dos colegas pastores Jayjairo Castelo (ES), Levy Conde, Sóstenes Cavalcante, Carlos Roberto; do meu filho Cristian, verdadeiro escriba; doutor Cláudio Dias; Spurgeon; Adilson Santos (Jornal Evangélico-SP); Roberta; o cientista político Jailson Gomes; Jean Pierre de Souza (SC); Samuel Junior (BA),  que permitiram que atualização das informações fosse efetivada.

Anúncios

Read Full Post »